segunda-feira, 15 de agosto de 2016

ORDENAÇÃO DIACONAL

Na última sexta-feira, 12, os seminaristas Rafael Vicente e Michel Candeu foram ordenados Diáconos, para o serviço do Povo de Deus e da Igreja.

A Solene Celebração Eucarística, presidida por dom Tomé Ferreira da Silva, foi realizada na paróquia Nossa Senhora Aparecida em Votuporanga, e contou com expressiva participação de padres, religiosos, familiares e leigos de várias comunidades da diocese.

Confira a entrevista concedida por Rafael Vicente e Michel Candeu ao Jornal Diocese Hoje.

 Rafael Vicente
1. O que significa ser diácono da Igreja?
Ser diácono é participar desse ministério que pertence ao primeiro grau do Sacramento da Ordem, pertencente à Igreja cristã. Os diáconos estão encarregados de executar o "serviço do ministério de nosso Senhor", depois de anos de preparação e formação no seminário deixa de ser um simples leigo e passa a pertencer ao grupo do clero com a ordenação. A palavra diácono surgiu a partir do grego diakonos, que significa "atendente" ou "servente". De acordo com a doutrina cristã católica, o diácono é o "servo do Senhor", espalhando a sua Palavra e ajudando a construir o seu Reino junto aos fiéis na terra, de acordo com as necessidades da Igreja.

O clero é formado por três graus de sacramento da ordem: os bispos, os padres e os diáconos. O diácono é o ministro da bênção e também pode realizar alguns Sacramentos, como o Batismo e abençoar o Matrimônio.


2. Diaconato ponto de chegada ou de partida.

Vejo que o diaconato não é nenhum ponto de partida ou chegada, mas um ministério que provém da caridade para o trabalho no Reino do Senhor, pois a messe é grande, mas os operários são poucos diz nosso Senhor. Ser diácono é dar um testemunho mais eficaz. Com isto vemos claramente que o diaconato para a Igreja é algo profundo para testemunhar mais eficazmente o serviço do Evangelho.

Portanto o diaconato tem muitas responsabilidades, o trabalho desse ministério ordenado é de suma importância para a Igreja Católica. O diaconato é um oficio de grande zelo e dedicação de vida, porque é de atividade física, mas de natureza espiritual com entrega total ao serviço do Senhor e da pregação da sã doutrina.


3. Como você se sente sendo o primeiro diácono da diocese de Votuporanga?
A verdadeira alegria de ser ordenado diácono é participar no serviço da caridade do Senhor no qual ele me chamou e me confiou a este proposito em sua Igreja. A questão de ser ou não o primeiro diácono da nova diocese é olhar com grande zelo e amor pelo trabalho que devo realizar nesta nova Igreja particular, pois a nossa Igreja é única, mas dividida em territórios que damos o nome de dioceses. Penso eu que a verdadeira felicidade consiste no discipulado de nosso Senhor independentemente onde posso estar inserido para o trabalho que a Igreja me chamou e me confiou por meio de minha vocação. Pois é como eu trago comigo uma frase desde o meu tempo de encontros vocacionais para o discernimento de ser padre, “Vocação acertada, certeza de um futuro feliz”.


Michel Candeu
1. O que significa ser diácono da Igreja? 
Primeiramente a gente deve olhar o que a palavra diácono, ela significa Ministério, servir, ministrar, o diácono é o servente o atendente, é aquela pessoa que se dispõe a trabalhar em prol ao reino. O diácono é aquele que evangeliza, que prega a palavra conforme diz Paulo em suas cartas. O jovem um receber a ordem do diaconado, esta que é primeiro grau do sacramento, Deve auxiliar o altar, primeiramente a partir da pessoa do epíscopo e também em segundo lugar do presbítero.
 
2. Diaconato ponto de chegada ou de partida.
No diaconato, nos consagramos a Deus e iniciamos a nossa longa jornada a serviço de Cristo, É a partir de, que devemos assumir o papel de bom pastor e exalar o cheiro Dele, renunciar a si para que a vontade de Deus possa prevalecer em nossa vida, de modo que, possamos assumir verdadeiramente o nosso chamado para cuidar das ovelhas que a nós será confiado

3. Como você se sente sendo o primeiro diácono da diocese de Votuporanga?  
A igreja nos confia a responsabilidade de servir de estar em prontidão de atender as necessidades, assim portanto desejo em meu coração e rogo a Deus para que possa derramar a suas bençãos e que eu possa me doar para este trabalho inteiramente corresponder ao sim que Ele me confiou.

Um comentário:

  1. Porque os dois diáconos não estão exercendo as funções? Não vemos nas missas paramentados. Estão sem uso de ordem por qual motivo?

    ResponderExcluir