quarta-feira, 10 de agosto de 2016

ENCONTRO DIOCESANO ANUAL DE PASTORAL

No próximo dia 17 de setembro a Diocese de São José do Rio Preto realizará o seu encontro anual de pastoral, denominado de “Assembleia Diocesana de Pastoral”, reunindo leigos, religiosos, diáconos, sacerdotes e o bispo diocesano. É sempre um momento ímpar, ocasião única em que se encontram reunidas as diversas expressões da vida da Igreja nesta Diocese, para rezar, refletir, trocar experiências e buscar caminhos para a evangelização.

Neste ano, teremos uma missão singular, dar um passo a mais na elaboração do Sétimo Plano Diocesano de Pastoral, que não surge do nada, mas da revisão do plano anterior, dentro do contexto das “Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil 2015-2019”, fruto da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.

As referências para este encontro anual de pastoral são as urgências na ação evangelizadora: Igreja em estado permanente de missão; Igreja: casa da iniciação à vida cristã; Igreja: lugar de animação bíblica da vida e da pastoral; Igreja: comunidade de comunidades; Igreja a serviço da vida plena para todos.

Também levaremos em consideração a realização dos dois últimos sínodos sobre a família e a “Exortação Apostólica Pós-Sinodal Amoris Laetitia Sobre o Amor na Família.” A acolhida a estes fatos e ao texto do Papa Francisco poderá nos fazer assumir uma sexta urgência: Família, Igreja Doméstica.

Serão participantes do evento: os membros do Conselho Diocesano de Pastoral, os sacerdotes, os diáconos permanentes e transitórios, um representante de cada congregação religiosa, um membro de cada nova comunidade que tenha um reconhecimento diocesano, um seminarista de cada seminário diocesano, um representante leigo do Conselho Diocesano de Administração, um representante leigo da Fundação Mater Eclesiae e o bispo diocesano.

Os trabalhos se desenvolverão com palestras, “palavra livre” sobre os temas das conferências, “mesa redonda” sobre questões atuais, reunião de grupo para pensar propostas, plenário e momentos de oração. O centro do encontro é a celebração da Santa Missa, logo na abertura dos trabalhos. Todos os sacerdotes são chamados a concelebrarem, os diáconos permanentes e transitórios devem participar no modo que lhes é próprio, todos com os devidos paramentos.

Não é bom olvidar que neste ano, durante a Assembleia, estaremos com a imagem peregrina de Nossa Senhora Aparecida na Diocese. Serão três meses especiais em que a “Mãe da Misericórdia” nos conduzirá ao seu Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, o “rosto da misericórdia do Pai”, segundo o Papa Francisco. À sua intercessão, confiamos este encontro diocesano anual de pastoral. A sua oração é importante para que este evento produza os frutos dele esperados, para a santidade da Igreja e o bem do mundo.

+ Tomé Ferreira da Silva
Bispo Diocesano de São José do Rio Preto/SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário