sexta-feira, 15 de julho de 2016

NOTA DE FALECIMENTO

Com pesar, a Diocese de São José do Rio Preto, SP, cumpre o doloroso dever de comunicar o falecimento do Revmo. Sr. Padre Siro Silvestrini, incardinado nesta Diocese, na madrugada de 14 de julho do ano em curso.

Nascido na Itália, em 29 de agosto de 1940, filho do Sr. Cristoforo Leopoldo Silvestrini e Sra. Zelmira Zanelli Silvestrini.

Ordenado Diácono em 01 de maio de 1977, e sacerdote em 08 de dezembro de 1977, em São José do Rio Preto, SP.

Na Diocese de São José do Rio Preto, exerceu o ministério sacerdotal na Paróquia Jesus Bom Pastor, Santo Antônio/ Mirassolândia, Sagrado Coração de Jesus e Santa Terezinha do Menino Jesus. Foi coordenador diocesano da Pastoral Vocacional e membro da equipe de formadores desta Diocese.

Foi sepultado em São José do Rio Preto, na manhã do dia 15 de julho do ano em curso, no Cemitério Ressurreição, Vila Ercília, após celebração da Missa Exequial, às 8h30, na Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus, com grande presença de leigos, seminaristas, religiosas, diácono permanente e sacerdotes.

Padre Siro Silvestrini deixou a Itália com coração missionário, queria conquistar pessoas para Nosso Senhor Jesus Cristo, através da pregação do Evangelho, da administração dos sacramentos e da caridade pastoral.

A Diocese de São José do Rio Preto  acolheu Padre Siro Silvestrini; e ele fez da “Cidade Norte”, a partir da Paróquia Santa Terezinha, o seu campo de ação, desbravando e semeando a Palavra, distribuindo os sacramentos e estimulando a caridade no coração dos fiéis, pioneiros da região norte da então promissora cidade que crescia a passos largos.

Padre Siro Silvestrini foi um padre “padre”, sem outras pretensões e ambições, senão amar e servir a Nosso Senhor Jesus Cristo, na comunhão e obediência à Igreja, Mãe e Mestra. Sua vida e ação pastoral foram marcadas pela simplicidade, humildade e escondimento.

Nos últimos anos, como vigário paroquial, Padre Siro Silvestrini dedicou-se diariamente, sobretudo: ao atendimento das confissões dos penitentes, ao atendimento dos doentes, levando-lhes o sacramento da Unção dos Enfermos e ou o Viático, às visitas domiciliares e à direção espiritual dos fiéis.

Agradecemos a Deus a vida, a fé e o ministério sacerdotal do Padre Siro Silvestrini nesta Diocese de São José do Rio Preto. Nos associamos aos seus familiares, na Itália, neste momento de dor e sofrimento; a eles nosso amplexo de condolências.

Na pessoa do Revmo. Sr. Padre José Aparecido Gonzaga, agradecemos aos fiéis da Paróquia Santa Terezinha que  tinham o Padre Siro Silvestrini como um fiel e amoroso servidor do Reino, e foram para ele, sobretudo nos últimos tempos, anjos tutelares.

Através do Revmo. Sr. Padre José Irineu Vendrami, agradecemos aos seminaristas  e padres que conviveram com o Padre Siro Silvestrini , nestes  últimos anos, no Seminário Propedêutico Nossa Senhora Rainha da Paz.

Rogamos a Nossa Senhora da Alegria, título mariano invocado pelo Padre Siro Silvestrini, que manifeste a ele, nesta hora de sua última romaria, a sua terna e materna intercessão.

+ Tomé Ferreira da Silva
Bispo Diocesano de são José do Rio Preto/SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário