segunda-feira, 25 de agosto de 2014

"VIDA CONSAGRADA, EVANGELHO-PROFECIA- ESPERANÇA, NA IGREJA, HOJE."

"Quero dizer-vos uma palavra e a palavra é alegria. Sempre onde estão os consagrados, sempre há alegria!" (Papa Francisco).

Na Igreja Católica Apostólica Romana, no Brasil, no horizonte do mês vocacional, agosto, no terceiro domingo, coincidente com a Solenidade da Assunção de Nossa Senhora, celebra-se o dia da Vida Consagrada, homens e mulheres que conhecendo e amando Nosso Senhor Jesus  Cristo se colocam a seguí-LO, por toda a vida,  com os votos de pobreza, obediência e castidade.

Manifesto meu apreço e gratidão pelos membros da Vida Consagrada, nas suas mais diversas manifestações, presentes na Diocese de São José do Rio Preto, pelo que são e realizam na Igreja, sinalizando já agora o mistério do Reino de Deus, contribuindo profeticamente para um mundo melhor, na ousadia do empobrecimento voluntário que enriquece, da liberdade obediente como caminho para fazer a Vontade de Deus e da oblação corporal que santifica o criado.

O Santo Padre o Papa Francisco, através da Congregação para os Institutos de Vita Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica, com uma carta circular aos consagrados e consagradas, intitulada "ALEGRAI-VOS", convoca para um "Ano da Vida Consagrada", a realizar-se entre 30 de novembro de 2014 a 02 de fevereiro de 2016. Deverá ser um tempo de graça para a Vida Consagrada na Igreja e no mundo, orientando os fiéis e as pessoas de boa vontade para contemplarem o mistério de Nosso Senhor Jesus Cristo presente nos homens e mulheres que consagraram a Ele sua vida.

A Diocese de São José do Rio Preto deve muito aos consagrados e consagradas. Na infância e juventude desta Igreja muitas congregações religiosas, masculinas e femininas, derramaram o seu suor nestas terras do noroeste paulista: trabalhando na educação das crianças e jovens, como as Irmãs de Santo André, as Irmãs da Ressurreição, as Missionárias de Jesus Crucificado, as Irmãs Ursulinas, os Padres Combonianos e os Padres Agostinianos; cuidando dos idosos e doentes, como as Irmãs da Providência de Gap e as Irmãs de São José de Cluny; na ação pastoral, como a Ordem dos Frades Menores, os Capuchinhos e os Missionários do Sagrado Coração. Muitas destas comunidades religiosas estão conosco até os dias de hoje.

No presente, além de várias das mencionadas acima, temos diversas expressões da vida religiosa, algumas nascidas nesta Diocese, nos mais vastos campos da pastoral: as Missionárias Servas da Igreja, Pequenas Missionárias Eucarísticas, Instituto das Irmãs da Infinita Misericórdia, os diversos ramos, masculino e femininos, do Instituto Imaculado Coração de Maria, as Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus, Fraternidade São Francisco de Assis na Providência de Deus, Irmãs Franciscanas do Coração de Maria, Filhas do Coração de Jesus e Maria, Ordem dos Frades Menores e Comunidade Missionária  Providência Santíssima.

Abraço paterna e fraternalmente cada religioso e religiosa, na comunhão que brota da caridade, da liturgia e dos sacramentos, desejoso que nossa vida seja um sinal que faça despontar no coração das pessoas a saudade e o desejo de Deus.

+ Tomé Ferreira da Silva
Bispo Diocesano de São José do Rio Preto/SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário