Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2014

Os Cristãos de Mossul.

Imagem
O mês de julho foi dramático para o mundo, com desafios no futebol,  na política internacional e na vida dos cristãos no Iraque. Alguns fatos são bastante focados pelos meios de comunicação, enquanto outros não são evidenciados como deveriam: Síria, Faixa de Gaza, Líbia, Sudão, República Centro-Africana, Ucrânia, Israel e Iraque, entre outros. A perseguição aos cristãos, muitas vezes levados à morte violenta, não é um fato novo, faz parte da história do cristianismo, desde as suas origens, já preconizado por Nosso Senhor Jesus Cristo nos evangelhos. Os Apóstolos e os primeiros cristãos experimentaram o ódio humano à fé no Divino Salvador. Nos dias atuais, falta liberdade religiosa aos cristãos em muitos países do Oriente Médio, da África e da Ásia. Embora sem visibilidade nos grandes meios de comunicação, diariamente cristãos são obrigados a ocultar a sua fé, são perseguidos e levados à morte violenta. Há um silêncio, ou quase silêncio, das mídias, dos governos e de organismos in

BERAKÁ 2014, O VALE DA BÊNÇÃO.

Imagem
“No quarto dia reuniram-se no vale da Bênção, onde bendisseram ao Senhor” (2Cr 20,26). A Renovação Carismática Católica presente na Diocese de São José do Rio Preto, com o apoio de outros organismos eclesiais e da sociedade civil, realiza nos dias 05 e 06 de julho, no Recinto de Exposições Alberto Bertelli Lucatto, a 19ª edição do Beraká, um evento religioso que agrega milhares de pessoas provenientes, sobretudo, do noroeste do Estado de São Paulo. O nome “beraká”, ou “baraká”, é inspirado no Segundo Livro das Crônicas, capítulo vinte, versículo vinte e seis. Josafá foi rei de Judá desde os trinta e cinco anos, reinou vinte e cinco anos em Jerusalém, era um homem bom, pois “fez o que era reto aos olhos do Senhor”. Mas o povo de Judá  “não aderiu de todo o coração ao Deus de seus pais.” Ao final de sua vida, Josafá fez uma aliança com Ocozias, rei em Israel, para construir navios que iriam a Társis, o que desagradou a Deus, pois o aliado agia de modo pecaminoso. Os navios naufra

Confira as últimas postagens do site da Diocese de São José do Rio Preto