quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Santo Natal e abençoado ano novo!

"O Senhor é o Deus eterno que criou os confins da terra; ele não falha nem se cansa, insondável é a sua sabedoria; ele dá coragem ao desvalido e aumenta o vigor do mais fraco"(Is 40, 28s)

Estamos próximos da celebração dos 2013 anos do nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo, o Divino Salvador, um fato histórico que marca indelevelmente a natureza e o destino da humanidade, da história e do mundo: introduz-se no tempo a salvação divina que redime a pessoa humana para que viva na liberdade peculiar dos filhos e filhas de Deus.

O Natal não se restringe a ser um divisor de águas na organização do calendário e na contagem do tempo, mas é o início da elevação da natureza humana, e por seu intermédio, também o que é criado, a um novo estado "metafisicamente" superior ao que se encontrava o homem, o mundo e a história subjugados às consequências do pecado das origens.

O Tempo do Natal inicia-se com a celebração das vésperas, na tarde do dia 24 de dezembro, e prolonga-se até à festa do Batismo do Senhor, no dia 12 de janeiro de 2014. A participação na Santa Missa, no dia de Natal, se possível, precedida do sacramento da confissão, é o melhor modo de celebrar o nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Associo-me às famílias que se reúnem para viverem fraternalmente este tempo santo do Natal. Que encontre guarida no aconchego de lares amigos, os que se encontram distantes dos seus familiares. Aos que estão imersos no sofrimento, não falte a consolação de Deus. Sejamos caridosos com os empobrecidos!

Que a alegria do Natal do Senhor perdure e ilumine os dias do ano de 2014! Tenha confiança, pois, "os que esperam no Senhor renovam suas forças, criam asas como as águias, correm sem se cansar, caminham sem parar"(Is 40, 31).

Assegurando-lhe minhas humildes preces, confio-me às suas preciosas orações.

Amplexo e todo bem!


+ Tomé Ferreira da Silva.
Bispo Diocesano de São José do Rio Preto/SP

Um comentário:

  1. Que seja um Feliz Natal e próspero Ano Novo ao Revmo. Bispo D Tomé e para todos, sob as bênçãos do Menino Jesus que vai nascer de sua Mãe Maria; um novo período de graça e redenção para os disponíveis para Deus e sua palavra, e nessas oportunidades, deixando de lado os apegos e os exageros dos mundanistas de um festival das cestas, de iguarias sem fim nas mesas e dissipações varias.
    A bênção D Tomé!

    ResponderExcluir