sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Gratidão aos Católicos da Alemanha

Há cinqüenta anos, a Igreja Católica Apostólica Romana, na Alemanha, tem uma ação de caridade desenvolvida no tempo do advento, com o objetivo de ajudar as igrejas empobrecidas da América Latina e do Caribe, denominada de “ADVENIAT”, que no dia de Natal recolhe a oferta em dinheiro dos fiéis e com ele constitui um fundo que financia projetos de evangelização entre nós.

Nesta última semana, a Conferência Episcopal da Alemanha e a presidência da Adveniat estiveram  no Brasil para celebrar estes cinqüenta anos de cooperação com as igrejas da América Latina e do Caribe. Em Aparecida, foi realizado um simpósio teológico-pastoral sobre a ação evangelizadora da Adveniat.

Em São Paulo, na manhã do domingo, 27, foi concelebrada uma missa na zona norte, em uma paróquia beneficiada pela Adveniat, transmitida para a Alemanha, marcando o início da Campanha da Evangelização deste ano. Na Catedral da Sé, no mesmo dia, foi concelebrada uma Missa com bispos alemães, brasileiros e latino-americanos e caribenhos em ação de graças.

Esta iniciativa dos Católicos da Alemanha surgiu de forma organizada no Natal de 1961, como gesto de gratidão e reconhecimento pela ajuda que haviam recebido dos Católicos brasileiros, chilenos e argentinos após a segunda guerra mundial, quando a Alemanha viveu tempos de penúria. Uma vez reorganizada a nação alemã, seus católicos sentiram o chamado para ajudar as igrejas empobrecidas de nosso continente.

No Brasil, em todas as regiões, muitos projetos de evangelização e de caridade foram financiados pela Adveniat. Ainda hoje, várias dioceses brasileiras recebem esta ajuda, inclusive a Arquidiocese de São Paulo, através de algumas de suas paróquias na periferia, ou de projetos apresentados por congregações religiosas ou pastorais, movimentos e associações religiosas.

Inspirada na ação desenvolvida pelos Católicos da Alemanha, “A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, na 35ª Assembléia Geral, no ano de 1997, aprovou a realização da Campanha para a Evangelização em âmbito nacional durante o tempo litúrgico do Advento. A coleta acontece no terceiro domingo do advento. Os recursos ajudam os projetos desenvolvidos na área pela Igreja no Brasil.

Do total arrecadado durante a campanha, 45% são destinados às dioceses; 20% aos Regionais e 35% ao Fundo Nacional de Evangelização, administrado pelo Conselho Econômico da CNBB, e que garante recursos para o Secretariado Nacional e viabilizam projetos específicos de Evangelização.

Uma das principais questões que levaram os bispos do Brasil a promover a Campanha para a Evangelização foi a econômica. De fato, o trabalho evangelizador se tornou muito complexo, exigindo pessoas capacitadas para a atuação em todos os níveis, recursos tecnológicos cada vez mais sofisticados e uma estrutura organizacional extremamente complexa, principalmente quando falamos de evangelização em todo o território.”

Participe você também desta obra evangelizadora da Igreja Católica Apostólica Romana, no Brasil. Nas missas dos dias 10 e 11 de dezembro faça a sua doação, ou então entregue sua oferta na secretaria da paróquia que você freqüenta, explicando o destino de sua ação generosa.


+ Tomé Ferreira da Silva
Bispo Auxiliar de São Paulo

Um comentário:

  1. em que cidades da alemanha existem comunidades brasileiras catolica ? precisamos extreitar laços

    ResponderExcluir